ACMA - Sumo de amoras

terça-feira, 15 de agosto de 2017 2 comentários
Como é bom voltar a ter 9, 10 anos e sentir novamente o cheirinho a eucalipto - e as memórias a surgirem...



Todos os anos as primeiras semanas de setembro eram passadas em casa dos meus avós paternos - em Ermesinde e, era como se fosse da cidade para a aldeia - eram dias vividos intensamente, sempre cheios de brincadeiras nas bouças que por lá haviam.
Eu, a Teresa, a Paula e a Nelinha todas as tardes explorávamos uma parte da bouça - apanhávamos amoras e depois de as lavarmos cuidadosamente (?) fazíamos um belo sumo com parte delas (as outras íamos comendo) - naquele jarro e copos da Tupperware que me acompanharam durante alguns Verões nestas aventuras. Depois estendíamos uma toalha ao xadrez que a D. Rosinha (a mãe das minhas amigas) nos emprestava e fazíamos um piquenique onde não podia faltar o pão com tulicreme, doce ou manteiga. Brincávamos ao faz de conta que somos princesas... Eram dias bem passados aqueles por lá vividos...
Agora, aquelas princesas já são mulheres, no lugar das bouças temos prédios altos e na casa dos meus avós vive outra família - e, muitas vezes me pergunto: "será que estas minhas três amigas de infância se lembram dos nossos piqueniques e do nosso tão bom sumo de amoras"???!!!






Se queres fazer parte deste projeto, deves enviar um e-mail para:

acma.cultura@gmail.com



qualquer blogger/youtuber pode participar!


Descobre mais ACMAS em



ACMA - EL VERANO AZUL

sábado, 29 de julho de 2017 1 Comentário
Foi um Verão diferente aquele que passei por volta dos meus 16 anos - durante o mês de Junho tinha-me inscrito no Instituto Português da Juventude... Estava muito feliz pois tinha sido selecionada e ia trabalhar com crianças e ganhar algum dinheiro com o qual iria comprar roupas e livros. Umas semanas antes de começar as minhas funções resolvi visitar o Colégio para conhecer os meninos com que iria trabalhar.

Na semana anterior a começar o projeto senti-me com febre e comichão no corpo - a minha mãe resolveu levar-me ao médico - varicela - disse ele, e não vai passar antes de 1 a 2 meses. Lá se foi o meu Verão - pensei eu ao sair do consultório - doença altamente contagiosa que me impediria de sair de casa durante as férias.

As primeiras semanas foram dedicadas à leitura, mas a partir da terceira semana uma parte da minha tarde era passada com a Bea, o Tito, o Piraña, a Desi, o Pancho, o Javi, o Quique, a Julia e o Chanquete - El Verano Azul.




A série girava à volta de 7 jovens, duma pintora e dum velho marinheiro, foi filmada na localidade balnear de Nerja, perto de Málaga. Foram 19 episódios que me fizeram rir, chorar e sentir-me um deles...  ainda hoje, já passados 30 anos recordo com uma certa nostalgia e um místico de saudade El Verano Azul.

Se queres fazer parte deste projeto, deves enviar um e-mail para:


acma.cultura@gmail.com

qualquer blogger/youtuber pode participar!


Descobre mais ACMAS em


25 de Abril

terça-feira, 25 de abril de 2017 1 Comentário

"Esta é a madrugada que eu esperava 

O dia inicial inteiro e limpo 
Onde emergimos da noite e do silêncio 
E livres habitamos a substância do tempo" 

Sophia de Mello Breyner Andresen, in 'O Nome das Coisas' 
 
Layout Base - Michelly Melo. Edições e Header - Michiyo.